Startups em teoria e prática

Sobre

Startups são organizações empresariais e humanas que se constituem de maneira espontânea no risco e na incerteza. Dessa forma, são fomentadas por diversos segmentos e ambicionam revolucionar o mercado com inovações em produtos e serviços, baseados principalmente em tecnologia, mas não só. Assim, revelam-se como um horizonte de possibilidades para profissionais da Arquivologia, Biblioteconomia e Ciência da Informação como um todo. As informações teóricas basilares para compreender essas organizações, e as possibilidades de atuação e protagonismo norteiam a oficina Startups em teoria e prática.

Objetivos

  • Conceituar startups;
  • Descrever suas principais características;
  • Demonstrar as possibilidades de atuação e protagonismo para profissionais da informação.

Público-alvo

Estudantes e interessados na área de Biblioteconomia, Arquivologia e Ciência da Informação.

Prática

Participação nas atividades programadas ao final do último módulo.

Ministrante

Priscila Sena, doutora (2020) e Mestra (2014) em Ciência Informação pela Universidade Federal de Santa Catarina/Florianópolis. Especialista em Gestão do Conhecimento pela Faculdade Integrada da Grande Fortaleza (2012). Graduada em Biblioteconomia pela Universidade Federal de Mato Grosso/Rondonópolis (2009). Experiência na área de Ciência da Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: ecossistema de startups, empreendedorismo, tecnologia e inovação, gestão documental, gestão da informação, gestão do conhecimento, bibliotecas universitárias na educação a distância e bibliotecas escolares. Participou do Grupo de Pesquisa Informação, Tecnologia e Sociedade (GrITS) e, do Grupo de Estudos em Biblioterapia, Bibliotecas Escolares e Leitura (GEBBEL). Integra o Grupo de Pesquisa Via Estação do Conhecimento (VIA) e, o Instituto de Pesquisas Biblion (BIBLION). Atuou como Professora Substituta de 2015 a 2016 no Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina, onde ministrou as disciplinas: Gestão Arquivística de Documentos Eletrônicos; Empreendedorismo I; Pesquisa em Biblioteconomia; Serviços de Informação; Gestão da Informação e do Conhecimento; Normalização da Documentação; Pesquisa Bibliográfica; Memória, Patrimônio e Pesquisa; Gestão da Informação e Arquivo. Concluiu tese de doutorado, sob a orientação da professora doutora Ursula Blattmann, sobre Fontes de Informação no Ecossistema de Startups de Florianópolis. Realizou Doutorado Sanduíche na Universidad Carlos III de Madrid, sob a orientação do professor doutor José Antonio Moreiro González. Está Editora de Relacionamento na Revista ACB, Bibliotecária Pesquisadora no Grupo de Pesquisa Bibliotecas Escolares do Conselho Regional de Biblioteconomia da 14ª região (CRB 14), e Diretora de Formação Política e Profissional na Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas de Informação e Instituições (FEBAB – Gestão 2020-2023).

Carga horária: 02h